Fluxo de caixa: Qual a importância e como aplicar na minha empresa?

Durante um episódio do Direcast (o podcast da Diretrizes) o João Petters, contador, falou conosco sobre como o fluxo de caixa pode ser uma ferramenta estratégica para sua empresa aumentar seus lucros. Reunimos todas as dicas dadas durante o episódio neste artigo, vamos lá?

Primeiro é importante nos atentarmos a um índice considerável, você sabia que a cada 10 empresas abertas no Brasil, 6 fecham antes do seu quinto ano de existência? Um dos motivos pelos quais isso acontece é a falta de controle financeiro, que iremos abordar aqui.

 

O caixa é rei

Você já ouviu a expressão “O caixa é rei”? Sabe o que isso significa?

Caixa é o dinheiro disponível na empresa, é uma reserva de emergência que garante a sobrevivência e independência da sua empresa em momentos de crises ou incertezas financeiras. (Para te auxiliar nesse controle montamos um modelo de fluxo de caixa, você pode baixar gratuitamente clicando aqui.)

No passado muitos empreendedores não sabiam o que fazer diante de diversos cenários e historicamente, tanto em momentos de dificuldades como em momentos de prosperidade financeira, o caixa era um influenciador na tomada de decisões estratégicas.

Isso está completamente ligado ao controle financeiro, pois empresas que dominam o fluxo de caixa trabalham com planejamento e reserva de emergência e acabam não sofrendo tanto quanto as empresas que não realizam esse controle.

Existem muitas empresas que ainda trabalham com uma administração de fluxo de caixa diário, onde as despesas do dia posterior serão pagas com os recebimentos dos dias anteriores.

Porém isso é muito inseguro, imagine que por algum motivo essa empresa fique 15 dias sem faturar, as despesas continuarão vindo e se não houver uma reserva de emergência destinada para esse tipo de situação o proprietário terá que buscar ajuda externa, correndo o risco de pagar juros altíssimos ou até mesmo levando à quebra da empresa.

O principal erro dos empreendedores é ter um controle financeiro falho ou até mesmo a falta dele. Não tem como tomar uma decisão estratégica como um investimento, por exemplo, sem ter um controle financeiro rigoroso.

Sendo assim, o planejamento de fluxo de caixa dará liberdade e segurança para trabalhar tanto em momentos confortáveis, quanto em momentos desconfortáveis.

 

Como iniciar esse controle?

O primeiro passo para iniciar esse controle é relacionar todas as despesas fixas, que são as despesas que independente de faturamento irão acontecer. 

Tendo uma previsão das despesas fixas é possível saber qual o mínimo que é preciso faturar para manter a empresa rentável.

O segundo passo é relacionar todas as projeções variáveis, ou seja, possíveis despesas e possíveis receitas, assim o seu controle vai ganhando corpo.

Algo muito importante ao relacionar as projeções variáveis é sempre manter uma margem de segurança, pois tal receita pode não acontecer, pode haver alguma inadimplência ou algo do tipo. A mesma coisa com as despesas, pode acabar surgindo alguma despesa extra que não estava prevista.

Você pode estar se perguntando “Mas eu tenho que ter uma planilha completa ou um sistema elaborado?” 

Não, na verdade você deve começar do jeito que conseguir, o importante é começar anotando todas as despesas fixas e projeções variáveis, como dito acima.

Se preferir utilizar uma planilha, você pode baixar gratuitamente o nosso modelo.

Uma dica de gestão financeira para quem está começando o negócio é: No início retire o mínimo possível de pró-labore, depois que a sua empresa começar a ter rentabilidade faça a distribuição de lucros de acordo com a realidade da empresa.

 

Como a Diretrizes pode me ajudar?

Aqui na Diretrizes temos o serviço de Gestão Financeira, onde nossos profissionais cuidarão de todo o processo financeiro da sua empresa, como cobrança, emissão de nota fiscal, emissão de boletos, folha de pagamento, controle de fluxo de caixa e demais rotinas financeiras.

Nós faremos todo esse processo e te deixaremos a par de como está o seu fluxo de caixa e as projeções futuras. Dessa forma você terá total segurança e poderá focar no produto e na entrega do seu cliente.

Se você é um empreendedor que prefere dedicar o seu tempo para a tomada de decisões estratégicas e deixar isso nas mãos de profissionais, esse serviço é para você!

Se interessou? Saiba mais sobre o nosso serviço de Gestão Financeira.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco!